Seguidores

terça-feira, 1 de maio de 2012

0

Texto se eu fosse um peixinho. sugestões de como trabalhar essa musica

Dados da Aula

O que o aluno poderá aprender com esta aula
  - Trabalhar as relações interpessoais;
  - Explorar as linguagens oral e escrita;
  - Trabalhar com a expressão corporal.

Duração das atividades
5 aulas
Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno
Não Há necessidade de conhecimentos prévios.
Estratégias e recursos da aula
1º Momento: Brincar com a canção “ Sai Piaba”. As crianças serão instigadas inicialmente a repetirem os gestos descritos na música. Após cantar e brincar uma vez com a canção, aumenta-se o desafio: cada criança terá colado ao seu peito a letra inicial de seu nome. A brincadeira então, inicia-se novamente: cada criança agora, deverá no momento do abraço procurar o colega que tenha a letra inicial igual à sua. Quando as crianças finalizarem , o/a professor/a chama a atenção da turma para o reconhecimento das letras, destacando quem conseguiu abraçar por ter um colega com a letra do nome semelhante à sua; e quem não conseguiu abraçar ninguém, destacando qual é a letra do seu nome, instigando o grupo a indicar um  outro nome que  inicia com tal letra. O registro escrito deste momento apresenta-se da seguinte forma:  
Olá crianças! Hoje aprendemos a cantar e brincar com a seguinte canção: Sai piaba. Agora, observe os peixinhos abaixo e faça um colorido nas letras que você encontra no seu nome.

Outra sugestão é o/a professor/a montar uma pescaria, onde as crianças deverão pescar os peixinhos com as letras do seu nome. Estes peixinhos podem ser feitos de papel cartão e coloca-se um clips para as crianças conseguirem pescá-los.
2º Momento: A professora junto ao grupo questiona-o sobre as brincadeiras que conhecem e diante das respostas, destaca as brincadeiras de roda, fazendo referência a brincadeira da aula anterior. Então, propõe às crianças uma pesquisa para casa, na qual deverão conversar com sua família e familiares sobre Brincadeiras de Roda. Solicitar que os adultos façam  o registro das brincadeiras que conhecem e convidar os mesmos para irem à escola brincar e ensinar as mesmas para  as crianças da turma.
3° Momento: Organizar este momento para que as crianças e/ ou família/familiares possam apresentar as brincadeiras. É uma ótima oportunidade para a integração com as famílias e para promover o estreitamento dos laços afetivos entre as crianças e suas famílias.
4º Momento: Selecionar a seguinte canção para brincar: Se eu fosse um peixinho/ canção popular. (A partir das brincadeiras apresentadas pelas crianças o/a professor/a pode selecionar junto com as crianças outra brincadeira para ser explorada a escrita). O desenvolvimento da brincadeira ocorrerá a partir da organização das crianças em pé, em roda e de mãos dadas. Assim, a professora explica que esta roda irá andar à medida que a música for sendo cantada. Deve ser explicado para o grupo que cada colega, ao ter seu nome mencionado na música vira-se para fora da roda continuando na dinâmica de mãos dadas e a girar. Gradativamente, cada criança escolhe um colega que ainda não foi mencionado para colocá-lo na música, devendo este participar da dinâmica explicada. Assim, a brincadeira será encerrada quando todos participantes estiverem virados para fora da roda.   
5º Momento: Para finalizar a atividade, o grupo receberá a seguinte proposta:
Hoje brincamos de roda e cantamos a música “Se eu fosse um peixinho”. Nesta brincadeira interagimos e nos divertimos muito com nossos coleguinhas. Agora, você pode escolher um coleguinha para escrever o seu nome e colocá-lo na canção. Em seguida, faça uma linda ilustração.  
 SE EU FOSSE UM PEIXINHO
E SOUBESSE NADAR
 EU TIRAVA A/O  
 _________________________________________   
DO FUNDO DO MAR.  

A escrita do nome dos colegas deve ser orientada pela consulta à ficha do nome de cada criança.  Ao final, propor a ilustração da canção com a construção de peixinhos com o carimbo da digital e finalização com canetinha e giz de cera. Para este trabalho a criança carimba o dedo ccom tinta no papel fazendo o corpo do peixe, e o/a professor/a completa as partes que ficarem faltando: rabo, nadadeiras, olhos.
Recursos Complementares
Você pode buscar as canções " Se eu fosse um peixinho"  e "Sai Piaba" através do endereço: http://www.4shared.com/file/OwcZ8Opo/Quem_Canta_Seus_Males_Espanta.htm 
Avaliação
Para avaliar o desenvolvimento do grupo diante da proposta apresentada, sugere-se as seguintes observações:
  - as crianças demonstraram interesse e disposição em participar da brincadeira;
 - como se expressam corporalmente;
- na tentativa de leitura e escrita, como se deu a escolha dos nomes dos colegas;
- as crianças utilizaram-se de referências no momento de seleção das fichas dos nomes dos colegas, tais como: desenho, adesivo, letra, quantidade de letras, indicação do colega;
- durante a escrita foram capazes de realizar a cópia da ficha, ou mesmo dispensaram a consulta da mesma;
 - a criança demonstrou interesse e envolvimento com a proposta de ilustração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

"A Pedra"

A Pedra

O Distraído nela tropeçou...

O bruto a usou como projetíl.

O empreendedor, usando-a, construiu.

O camponês, cansado da lida, dela fez assento.

Para meninos, foi brinquedo.

Drummond a poetizou.

Já, Davi, matou Golias, e Michelangelo extraiu-lhe a mais bela escultura...
E em todos esses casos, a diferença não esteve na pedra, mas no homem!

Não existe "pedra" no seu caminho que você não possa aproveitá-la para o seu próprio crescimento.


Criado no siteVocê na capa de NOVA ESCOLA.

Apresentação

Olá amigos, vocês devem ter notado que meu blog está em fase de arrumação. mas em breve vocês terão muitas novidades. Agradeço sempre as dicas e tutoriais de outros blogs e sites "parceirões" que eu sigo e adoro, pois é com eles que eu sempre aprendo muito. Não poderia deixar de citá-los: coisinhasdenikita, tonygifsjavas, FlachVortex.com e Blogueiras Unidas, e dicasparablogs. bjs á todos e fiquem com Deus.
Com Carinho, Dihéne